Verbos em Libras – Direcionais e de Movimento – Assista aos vídeos

VERBOS-EM-LIBRAS

 

Diante da riqueza da estrutura gramatical da Língua dos Sinais, vamos nos aprofundar mais em conhecer os Verbos em Libras. Assista aos videos:

 

Tipos de Verbos – Verbos direcionais e de Movimento

Existem dois tipos de verbos na Libras: os verbos sem concordância e os verbos com concordância. Também são conhecidos como verbos de movimentos e verbos direcionais.

Os verbos com concordância se flexionam em pessoa e número. Exemplos desses verbos são: Dizer, responder, perguntar, entre outros. Os verbos com concordância possuem direcionalidade.

Os verbos sem concordância não possuem marca de concordância do verbo com os argumentos da frase. Exemplos desses verbos são: Amar, brincar, falar, entre outros.

Sobre a Libras

A língua de sinais assim como a língua oral, possui uma grande riqueza tendo um papel fundamental na vida do surdo. Difere bastante da língua portuguesa, tendo uma estrutural gramatical própria.

Quem deve aprender Libras?

Em alguns cursos de graduação, a Língua Brasileira de Sinais é obrigatório. Pessoas que convivem com surdos, que possuem amigos e familiares, deveriam procurar aprender e entender mais sobre a LIBRAS. Por conviver diretamente com o surdo, vai ser muito fácil e rápido a desenvoltura e entendimento dos sinais.

Um outro forte candidato para o aprendizado da língua, são os profissionais na área de educação. Receber uma criança ou um adolescente surdo em sala de aula, faz com que a comunicação se torne ampla e universal naquele ambiente, fazendo com que haja uma maior inclusão social entre todos.

Isso se enquadra à todas as pessoas e profissionais de quaisquer áreas. Conviver com um deficiente auditivo e saber se comunicar com ele, torna-se um grande privilégio.

Hoje em dia é muito mais fácil aprendermos qualquer coisa. Com a internet disponível, não somente em computadores mas em celulares, faz com que o processo de aprendizado se acelere muito. Antigamente aprendíamos um idioma em cinco anos em cursos presenciais. Hoje em dia conseguimos aprender qualquer curso de idioma em um tempo muito menor. Com a Libras é a mesma coisa. Não existe nenhuma forma mágica de aprender um novo idioma, basta prática e muita dedicação.

Aprender a língua de sinais é saber se comunicar com o surdo e entrar em seu universo. Saber e querer conhecer a sua cultura, como vivencia, interage e se relaciona. É um língua única e exclusivo do deficiente auditivo, não há como impor a língua portuguesa neles, porém deve ser ensinado na sua forma escrita.

Leia mais: Alfabeto em Libras e Cores em Libras